Guru do Amor | Questão de Escolha
255
archive,category,category-questao-de-escolha,category-255,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive
 

Questão de Escolha

fabioQuestão de Escolha

Por Fábio Vianna

Psicólogo, amante da música e de um bom papo, Admirador das relações humanos e escritor por hobby.

Nessa área são apresentados textos, curtos e divertidos, escritos em momentos diferentes da minha experiência de vida.

Falam a respeito do relacionamento entre pessoas, mais especificamente no que concerne a troca de afeto, aos relacionamentos amorosos, não se atendo ao sexo dos parceiros, mas sim às pessoas envolvidas, ao indivíduo em si e sua interação com o outro.

A ideia é que os temas levantados auxiliem o leitor em seu processo de aprendizagem, crescimento e evolução relacional.

adeus-amorVivemos cada segundo da nossa vida buscando alguma coisa, acredito ser da natureza humana, pois a plenitude além de variável é apenas uma fase. Digo isso com prazer, já que não consigo imaginar uma realidade completa sem desejos ou anseios por novidades ou conquistas. Da adolescência até a vida adulta tentamos, buscamos ou passamos por pequenas etapas. A busca pela identidade, o grupo ou tribo a pertencer, independência, saída de casa, experiência profissional, aquisições materiais, casamento, filhos e uma séria de outras coisas. Essa introdução bem rápida foi para deixar mais clara a minha linha de raciocínio que é um tanto evolutiva e vai de encontro com nossas necessidades contemporâneas, do “tudo ao mesmo tempo agora”, viver e conseguir o máximo que puder em menos tempo e da forma mais prática.

vaidadeDe início é legal explicar o que seja o termo “photoshopada”. Vem do nome de um programa de computador que edita imagens, muito usado para adicionar efeitos, colorir, tirar imperfeições, etc; Li essa frase é um texto que ficou famoso e rodou a internet em um momento delicado da história do nosso país. Era uma carta de um gringo direcionada ao Brasil.

esforcoesonhoQuase desligando a TV para dormir, ouvi essa frase, mas não consegui identificar de onde veio, pois estava meio sonolento. Consegui apenas, após alguns bons minutos rolando na cama, incluir a ideia de tema em meu bloco de anotações no celular. Acredito que uma duas horas depois, por continuar a rolar na cama, decidi ligar o computador e escrever sobre o assunto. É o primeiro texto após 5 meses improdutivos (talvez) do último tema abordado. Nesse período, minha vida passou por novas transformações, continuando a montanha russa que não para de entrar, sair e entrar novamente em círculos completos de 90°, que me mostram, a cada nova situação, o quão a vida é cíclica e os aprendizados são necessários com amor ou dor.

sonho-dreamsEstive lendo recentemente um artigo que fala sobre a sociedade contemporânea e a grande força negativa que a ansiedade vem causando nas pessoas. Ao mesmo tempo venho passando uma fase de transição e transformações em minha vida, o que me traz um tempo de baixa criatividade e inspiração. Acredito obviamente que essa entressafra tem ligação direta com meu momento de vida, que está sendo alimentado basicamente por anseios, desejos, expectativas e sonhos. Um prato cheio para a ansiedade e seus não tão belos sintomas, com reflexos emocionais, comportamentais ou corporais.

happy_kids_dia-das-criancasHoje, estive em um evento da atual empresa em que trabalho e tive a oportunidade absurda de ver e sentir a simplicidade, inocência e intensidade do amor de uma criança. O evento foi uma comemoração ao dia das crianças e a fábrica foi aberta para os colaboradores e seus familiares que, por 3 horas e 30 minutos, puderam se conhecer, brincar, participar de sorteios, comer à vontade, ganhar brindes e, principalmente, confraternizar. Por ser uma pessoa muito observadora e isso fazer parte da minha profissão, não pude deixar de perceber o prazer dos pais em proporcionar aqueles momentos aos seus filhos e cônjuges. Prazer também evidenciado nos olhos e empenho dos envolvidos na organização do evento. Tenho certeza de que foi uma tarde mágica, daquelas de filmes de animação, com direito à pipoca, cachorro- quente e algodão doce.

oracao-da-vitoria-e-conquistaFico cada vez mais impressionado com nossa capacidade humana de sempre querer o mais difícil, de enjoar do que vem com certa facilidade e de sofrer com expectativas do que não aconteceu. O despertar de um desafio ou o prazer de uma conquista são sensações muito satisfatórias, que impulsionam e alimentam nossas vidas para que possamos seguir em frente, são como uma fonte de energia para investimentos pessoais e sentimentais.

Qquando alguem aparece Já viveu um momento de seca de emoções?! Quando o tempo passa, você conhece novas pessoas, tem pequenas aventuras, mas nada que te faça ver as coisas de um modo diferente, como esperar uma mensagem de “bom dia” ou a visualização da sua mensagem (ficando azul). É esse tipo de seca que estou falando, pois ela incomoda, faz tudo parecer simples e passageiro. As semanas passam, os eventos acontecem, os amigos namoram, casam e têm filhos. Você pensa: “Será que vou sobrar?”; “Será que não vou me interessar por ninguém?”. Pode assumir, já aconteceu com você! Pense um pouco, procure nos alfarrábios de sua memória, lá no fundo do seu coração. Achou? Se sim, continue lendo. Se não, pode ler também, no mínimo vai se entreter com o assunto.

[caption id="attachment_884" align="alignleft" width="300"]Música e Amor Música e Amor[/caption] Já escrevi um texto utilizando diversas músicas e um outro utilizando apenas uma. São os textos que mais gosto, pois conciliam duas paixões que tenho e, principalmente duas coisas que mexem com qualquer ser humano, a música e o amor. Atualmente tenho escutado o som de uma banda vencedora em um programa de TV, que consegue fazer bem a mistura de música e amor. A música tem o grande poder de tocar pessoas diferentes em momentos diferentes com  a mesma letra e melodia. O que muda é como a mesma é sentida e interpretada. Segue uma... Banda Malta - Memórias Hoje eu vejo que não consigo entender O que houve entre nós Eu ainda consigo ouvir sua voz Me dizendo o que eu já sei   A pura saudade do bom sentimento e o reconhecimento do amor, mesmo que não estejam mais juntos. Ou ainda...a dúvida do tipo de sentimento que surgiu de uma nova e inesperada quase relação.

[caption id="attachment_879" align="alignleft" width="300"]Como seria chegar lá? Como seria chegar lá?[/caption] Esse é meu medo... Vai ficar o sentimento avassalador de como teria sido o que quase foi sem nunca ter chegado perto de ser. De como seria o beijo sem pressa. De como seria o toque sem medo. De como seria a risada sem olhares que julgam. De como seria o apertar sem receio. De como seria o acordar junto sem ser apenas um sonho. De como seria manter o olhar que sorri por mais de 3 segundos. De como seria andar de mãos dadas na chuva sem ser um teste de altura. De como seria o beijo na mão sempre ao se ver.