Destaques

Memórias de um Amor [caption id="attachment_884" align="alignleft" width="300"] Música e Amor[/caption] Já escrevi um texto utilizando diversas músicas e um outro utilizando apenas uma. São os textos que mais gosto, pois conciliam duas paixões que tenho e, principalmente...

Read more

Poderia ter sido o que não foi [caption id="attachment_879" align="alignleft" width="300"] Como seria chegar lá?[/caption] Esse é meu medo... Vai ficar o sentimento avassalador de como teria sido o que quase foi sem nunca ter chegado perto de ser. De como seria o beijo sem...

Read more

Música e Amor Ao pensar sobre relacionamentos veio a minha mente diversos sentimentos e acontecimentos possíveis de uma relação, como amor, paixão, traição, saudade, desejo, sexo, separação e por aí vai. Nada melhor para expressar esses sentimentos do que...

Read more

Foi bom! Nós fizemos história, pra ficar na memória e nos acompanhar A música tem o grande poder de comover alguém em algum momento, por mais diferente que seja o ritmo, melodia ou voz. Arnaldo Antunes, Carlinhos Brown e Marisa Monte são felizes ao escrever belas palavras e músicas perfeitas. O segredo mais absurdo...

Read more

Não preciso de muito tempo, apenas de uma boa oportunidade Pare, feche os olhos e se imagine na noite. Você é aquele tipo de pessoa conhecida como “cego em tiroteio” ou “bandido despreparado”? Não sabe o que é? É isso mesmo que você está imaginando. Atira para todo o lado! É só ver alguém em...

Read more

Gosto dela, mas brigamos e hoje não estamos nos falando! (Dúvidas dos leitores)




Por Guru do Amor   |   Comentários: (2)   |   Dúvidas e Perguntas

“Olá amigo, preciso muito de sua ajuda! No meu trabalho tem uma mulher de 21 anos de idade que eu e ela quase começamos um namoro, más pouco antes de começarmos o namoro fiz uma brincadeira com ela e ela não gostou, ela me esculachou e me esnobou, ai eu deixei ela pra lá, resolvi dar um gelo nela, fiquei frio com ela, más uns cinco dias depois ela percebeu que eu não iria mais procura-la e ela começou a dar sinais de arrependimento do tipo ir mais no meu setor de trabalho, puxar conversa com meus amigos homens, falar mais alto para que eu a notasse, passar mais vezes perto de mim, mais o pior é que ela puxou conversa com um novato na empresa que tem fama de sedutor, sei que ela fez isso para me provocar ciúmes, e conseguiu mesmo eu sabendo disso, só que uns 15 dias após estarmos sem nos falar eu dei de cara com ela no corredor da empresa e não consegui desviar o meu olhar do olhar dela, e ai ela percebeu que ainda sou louco por ela, ai ela  tornou-se mais fria que eu, ela nem demonstra mais aquela ansiedade que tinha antes desejando que eu a procurasse novamente para conversarmos, e o pior posso até estar enganado, o cara que ela puxou conversa agora ta investindo em conquista-la, sei que ela ainda sente atração por mim, más não sei se tanto como antes, más percebo pelo olhar e pelo sorriso dela que ela gosta de ouvir as coisas que o cara diz a ela, não sei se ela finge que gosta ouvir o cara para me provocar ciúmes.

Penso em procura-la para conversarmos novamente, más pode dar tudo errado. Sinto que até a minha saúde fisica e mental já esta sendo prejudicada com isso. Já estou no desespero. Tudo isso já vem acontecendo desde o começo do mês de maio deste ano de 2010. Penso em procurar ela para tentar nos entendermos novamente, más se eu fizer isso talvez ela perca de vez o pouco da  atração que ainda sente por mim, pois agindo assim  estarei demonstrando fraqueza. O que eu faço nessa situação? ? ?  Desde já agradeço.
OBS: Já usei todas as suas técnicas de sedução que li em seus ebooks, posso estar enganado, más até agora acho que  não deu resultado.  Também noto que quando ela me vê conversando com alguma colega  de trabalho por mais que ela tenta ela não consegue esconder um certo ciúme.
Desde já agradeço!” Mauricio

Salve, Mauricio! Pelo que você conta já tem a solução em seu discurso. Com certeza o diálogo tem que existir, pois do jeito que está nada vai mudar, você vai continuar vivendo de expectativa, vivendo de “achismo”. Achando que ela ainda gosta de você, que ela está afim de outro, que ela está se fazendo de difícil. Ou seja, você não tem certeza de nada, só está especulando. E viver de expectativa não faz bem para ninguém.

Medo de dar errado? De piorar a situação? A probabilidade existe, mas também pode ser que o resultado seja positivo.

Pior é ficar do jeito que está, tudo parado e sem futuro. Sem contar que o tempo passa, a fila anda e o mundo gira! Então você deve se mover, agir, conversar. Se você ficar só no pensamento com certeza não gerará nem trocará energias. Aí o resultado não é nada bom.

Não tenha medo. O medo enferruja. E se o resultado não for o que você espera, bola para frente, pense positivo. Pelo menos vai ser um motivo ou empurrão para você mudar de posição e seguir sua vida!

Sucesso em suas escolhas e não se esqueça que o diálogo é a melhor “arma” do ser humano.

Um grande abraço do seu GURU DO AMOR!

Comentários (2)

Escrever o nome dele embaixo do pé esquerdo e bata no chão por 3 vezes dizendo: Debaixo do meu pé esquerdo, te prendo(M.R), te amarro(M.R), e te mantenho (M.R) pelo poder das 13 almas benditas.
Que assim seja. Que você venha me procurar, dizendo que me ama e quer ficar para sempre comigo. Enquanto você não vier, não irá comer, nem dormir e nem terá vontade de outra mulher ao seu lado a não ser eu. Assim seja e assim será. (Publicar no mesmo dia 4 vezes), e se sonhar, não revele o sonho a ninguém.

Prezado Eduardo, boa noite.

Não sei exatamente se a questão abaixo faz parte seu metiê, mas na duvida segue.

Tenho um relacionamento com uma mulher a dois anos. Nos conhecemos em uma fase difícil de nossas vidas. Ela passava por um momento difícil no casamento e eu também. Bom não preciso dizer que somos casados e que nosso relacionamento é “extra”.

Nos conhecemos, pois trabalhos juntos. Conversávamos muito e acabou rolando etc. enfim.

Eu nunca tive um relacionamento extraconjugal, mas aconteceu.. e pelo que sei ela também não.

Nesses últimos anos nos encontramos todos os dias, menos aos domingos. Por algumas vezes ele deu tempo no relacionamento por se sentir culpada, mas mesmo assim ele vinha na minha loja e conversávamos muito. As vezes ela me agarrava e voltávamos, pois a sensação de estar junto era maravilhosa.

Neste ultimo mês, rompemos mais uma vez, pelo mesmo motivo.. culpa, mas nos falávamos todos os dias. Ela passava de manhã e no final do dia.

No Sábado agora, ela saiu de casa com umas amigas e quando liguei ela disse que estava resolvendo um problema.. Por volta das 10 horas ela veio na loja.. nos abraçamos, mas ela não quis me contar onde estava, disse que tinha vergonha.. Fiquei muito chateado,, não consegui esconder a frustração. Fiquei de “cara” fechada e não conversei muito. Na hora de ir embora, dei um beijo no rosto e não nos falamos até 2ª.. De lá pra ca, ela não fala mais comigo, somente o necessário.

Ela não da sinais, não começa nenhuma conversa.. nada.. absolutamente nada.. Fico meio perdido, pois gosto muito dela e sei que ela não da o braço a torcer..

O que eu devo fazer.. peço desculpas? mas acho que ela vai ficar muito cheia de si.. não gostaria que ela soubesse que estou sofrendo..

Devo mostrar que sofro sem ela? Peço desculpas? .. o que faço????

Se puder me ajudar.. agradeço.

Abraço.

Paulo.

Escreva um comentário