Guru do Amor | Sou muito ciumenta e não consigo conservar meus namoros. O que faço? (Dúvidas dos leitores)
733
single,single-post,postid-733,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-10.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive
 

Sou muito ciumenta e não consigo conservar meus namoros. O que faço? (Dúvidas dos leitores)

Sou muito ciumenta e não consigo conservar meus namoros. O que faço? (Dúvidas dos leitores)

“Queria saber o que eu faço, pois sou muito ciumenta, muito controladora e cobro demais das pessoas que fico. Acho que por esse motivo não consigo conservar meu namoro com ninguém. O que faço ?!?” Ludimila

Olá, Ludimila! O primeiro passo é ficar calma! Inicialmente vamos relaxar e ter paciência, pois sua situação pode ser resolvida com um pouquinho de esforço da sua parte.
Concorda comigo que ter alguém tomando conta da sua vida é chato? Quando somos adolescentes vivemos reclamendo que nossos pais se preocupam em excesso e querem saber de tudo da nossa vida. Nessa situação é aceitável, pois somos jovens, não temos muita experiência e a orientação e atenção dos pais se faz muito importante para nossa formação.

A partir do momento que começamos a ter nossos relacionamentos amorosos nos desvinculamos um pouco da infância e de certos tipos de envolvimentos familiares, o que sugere uma nova etapa de vida. Com certeza nesse momento o que menos procuramos é que a outra pessoa envolvida no relacionamento nos cerque, controle ou tente nos forçar a ser outra pessoa.

Sugiro que repense sobre suas expectativas e principalmente sobre a confiança em si mesma. Muito do ciúme e da tentativa de controlar o outro vem de nós mesmos, da insegurança em se relacionar, pois achamos que vai ter sempre alguém querendo nos passar para trás ou que existe alguém melhor que a gente.

O ponto principal é você estar bem consigo mesma e ter a noção que se existe alguém te namorando é porque você proporciona algum prazer e/ou sentimento positivo a ele. Tem uma música do grupo Jota Quest que diz a seguinte frase: “…A liberdade que nos prende…”

Tente fazer com que os outros queiram estar com você por prazer e não por obrigação. E tem outra coisa, não existe atitude sua que mude o comportamento do outro. A traição não é resultado de comportamentos de uma das pessoas envolvidas no relacionamente e sim, de falta de sentimento e/ou caráter.

Seja positiva, correta, honesta, feliz e alegre que atrairá coisas boas para você.

Um grande abraço do seu GURU DO AMOR.

No Comments

Post A Comment